Nuvem híbrida: o que é e por que adotar?

nuvem hibrída

O mundo da computação passa por avanços e transformações todos os dias que vão além de melhorias visíveis em smartphones, televisores e outros dispositivos tecnológicos. Uma dessas mudanças, que também é um assunto muito recorrente entre quem trabalha no ramo da tecnologia, é a adoção de serviços de cloud computing em substituição a um servidor local.

Atualmente, contamos com três tipos de nuvens: a nuvem híbrida, a nuvem privada e a nuvem pública. Todas estão crescendo exponencialmente devido às inúmeras vantagens que oferecem. Porém, poucos sabem a diferença entre elas e qual a melhor escolha.

Por isso, se você está cogitando aderir algum modelo de cloud computing para o seu negócio, entenda aqui como a nuvem híbrida pode ser uma boa opção e como ela funciona favoravelmente a todos. Acompanhe!

Nuvem híbrida: o que é?

Em primeiro lugar, precisamos entender os conceitos que envolvem o que é uma nuvem híbrida, visto que muitos falam sobre o assunto, porém poucos realmente sabem do que se trata.

Durante anos, o servidor local era a melhor maneira para armazenar serviços de software e arquivos. Ou seja, um armazenamento pouco flexível e sem os benefícios que a nuvem nos traz.

Com os avanços na tecnologia, surgiu o cloud computing, que é um sistema voltado para o armazenamento em servidores fora do seu ambiente físico. Como já falamos, existem três tipos de nuvens, que tornam o processamento mais flexível e capacitado.

A nuvem híbrida, um desses modelos de cloud computing, é uma “combinação” de servidores de nuvem privada e pública, que se comunicam para o funcionamento correto. Nela, o sistema privado é voltado para dados mais sigilosos, enquanto o sistema público para dados menos sensíveis, por exemplo.

O sistema de nuvem híbrida é indicado para todas as empresas que desejam fazer a transição de um servidor local para o sistema de cloud computing. Devido às inúmeras vantagens advindas, principalmente pelo farto número de recursos que esse modelo oferece, empresas de todos os portes e segmentos são beneficiadas.

Quais são as vantagens da nuvem híbrida para o seu negócio

Quando um negócio decide aderir esse tipo de serviço de software, as perguntas sobre os benefícios que eles trazem são inúmeras, principalmente quando um modelo é exaltado em detrimento a outros.

Para você, que está pensando em adotar esse sistema e está optando pela nuvem híbrida como servidor, entenda aqui quais são os benefícios que ela pode trazer a sua empresa!

1.      Oferece mais flexibilidade

Sem dúvida alguma, o maior ponto positivo para quem adota o sistema de nuvem híbrida é a flexibilidade que ela proporciona. A possibilidade de transitar entre servidores faz com que os dados sejam alternados com mais facilidade e de acordo com o desejo do profissional na área, disponibilizando inúmeros recursos e tudo sob demanda.

Para exemplificar, pense em uma pessoa que trabalha com esse sistema e necessita aumentar a potência do sistema privado. Para isso, ela pode tranquilamente transferir informações da nuvem privada para a nuvem pública sem grandes dores de cabeça, já que o servidor híbrido permite uma comunicação mais flexível entre ambos os sistemas.

2.      Conta com alta segurança

Além da flexibilidade que esse sistema traz para um negócio, a segurança também é um ponto positivo e é pouco citada pelos implementadores dessa solução tecnológica. Infelizmente, existe um grande estigma sobre a nuvem híbrida ser pouco apropriada para empresas com dados sigilosos.

Contudo, afirmamos veemente que isso é apenas uma falácia. É possível armazenar dados mais importantes em nuvem privada, tornando a proteção ainda maior, e dados menos importantes em nuvem pública, que possui a sua proteção, mas não é tão avançada quanto a outra. Assim, cabe ao profissional da área fazer a separação adequada desse ambiente para que  o seu negócio tenha o melhor de cada nuvem.

3.      Traz inovação para o seu negócio

Por último, mas não menos importante, a cloud computing em todo o seu funcionamento é uma inovação que veio para aprimorar a tecnologia da informação. Independentemente da escolha que você realize para sua empresa, utilizar a nuvem é um avanço na área e uma melhoria no serviço computacional.

A opção de nuvem híbrida traz diversos recursos para negócios de pequeno e médio porte, e podemos dizer que é a mais indicada para esse nicho. Porém, optar pela transição de um processamento local para esse tipo de infraestrutura, seja ele qual for, já é um avanço tecnológico.

Como adotar a nuvem híbrida na sua empresa?

O momento de adotar a nuvem híbrida exige muita atenção e cuidado, visto que o processo deve acontecer por meio de etapas. Essa atitude é extremamente necessária para que nenhum dado seja perdido durante a transição, por isso, o procedimento deve ser muito bem acompanhado e muito bem dividido.

A readaptação ao sistema de cloud computing, mais especificamente à nuvem híbrida, também deve ocorrer de maneira pausada. É preciso calma para se adequar ao novo sistema, já que ele possui uma mistura do servidor privado e público, além de paciência para entender como funciona essa comunicação.

Por mais que esse processo pareça um transtorno aos profissionais, no final ele traz inúmeros benefícios durante o seu funcionamento. Portanto, mantenha a tranquilidade no processo de adoção do serviço em nuvem.

Nuvem híbrida com a Qualiserve

Se você deseja fazer essa transição de um processamento local para a nuvem híbrida, conte com a Qualiserve! Somos uma empresa especializada no assunto, que realiza a transferência de sistemas com dedicação, técnica e profissionalismo.

Nossos profissionais dimensionam, migram e até mesmo monitoram toda essa mudança para que não haja acontecimentos inesperados durante o procedimento. Escolha pela Qualiserve e tenha o seu sistema de cloud computing adaptado da melhor maneira! Entre em contato agora.

Kleber R. Rodrigues
Kleber R. Rodrigues
[email protected]
Post Tags:
Sem comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO